sábado, 4 de janeiro de 2014

Como NÃO comprar um tablet

Parece que os tablets definitivamente estão na moda. Se antes o sonho de muitas pessoas era ter um notebook, hoje as coisas mudaram em favor do tablet. As razões para isso são muitas, mas é preciso ter cuidado para não comprar gato por lebre: existem muitas ofertas por aí que podem trazer muita dor de cabeça. Então, como escolher um tablet? Veja abaixo alguns conselhos sobre o que evitar na hora da compra de um tablet Android.

Memória RAM

A memória RAM é, falando de forma simples, aquela que o tablet usa para armazenar os aplicativos em execução. Se você costuma abrir muitos aplicativos ao mesmo tempo, o sistema pode ficar lento por falta de memória. Por isso, é muito importante que o tablet tenha uma quantidade de memória suficientemente grande. Atualmente, é melhor evitar os modelos com menos de 1GB de RAM.

Memória interna

A memória interna é o espaço utilizado pelo tablet para armazenar os aplicativos instalados e o próprio sistema operacional. Alguns tablets vêm com apenas 4GB de memória interna, facilmente preenchidos pelo sistema, deixando pouco espaço para instalação de novos aplicativos. Mesmo que você adicione um cartão SD, alguns aplicativos só podem ser instalados ou funcionam mais rápido na memória interna, tornando esta um item essencial. Portanto procure adquirir um tablet com pelo menos 8GB de memória.

Tela

Embora o tamanho da tela em si seja um item que depende do gosto pessoal, a resolução pode ser uma armadilha. De que adianta um tablet ter 10 polegadas, se a resolução é a mesma de um com 7 polegadas? No Brasil, é comum ver tablets baratos de 8 ou 7 polegadas com menos de 1024 pixels na horizontal; cuidado com esses aparelhos.

Conectividade

Aparelhos com conexão 3G custam substancialmente mais caros, e, como as empresas de telefonia no Brasil não são famosas por oferecerem esse serviço com qualidade, pense bem sobre a necessidade de ter essa conexão. Wi-fi, no entanto, é item obrigatório. Bluetooth é conveniente.

Câmera

Um tablet, pelo seu tamanho, pode não ser o equipamento mais adequado para tirar fotografias, mas uma boa câmera traseira pode ser útil às vezes, somada a uma decente câmera frontal para vídeo-conferências e conversas pelo Skype.

Conclusão

Seguindo esses conselhos, dificilmente você comprará um tablet ruim, mas fique atento à reputação da fabricante e leia boas análises em sites da Internet antes de fazer a escolha. Muitas vezes, fazemos uma escolha precipitada por formarmos uma simpatia por um modelo especial e não darmos atenção a pontos de vista contrários à aquisição.

Créditos da imagem: Wikimedia

2 comentários:
  1. E o processador por quê não está na lista de itens importantes?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, o processador deveria fazer parte da lista. É um bom assunto para um futuro artigo.

      Excluir

Sua opinião é bem-vinda!